IPEA apresenta pesquisa sobre gastos tributários em saúde

O Instituto Nacional de Pesquisas Econômicas Aplicadas, (IPEA) lança nesta terça-feira a “Radiografia do Gasto Tributário em Saúde 2003-2013”. A partir de uma parceria com a Receita Federal a pesquisa mostra gasto tributário em saúde, apresentando a distribuição do gasto, a metodologia de cálculo e a estimativa da renúncia de arrecadação fiscal entre 2003 e 2013.

sus

De acordo com o instituto foram utilizados dados dos contribuintes, considerando famílias e empregadores, assim como da indústria farmacêutica e dos hospitais filantrópicos. A expectativa do Instituto é que com os dados, o Ministério da Saúde (MS) poderá monitorar e avaliar com mais rigor o papel dos subsídios no financiamento do Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com o IPEA a partir do levantamento “o MS poderá avaliar e poderá monitorar tais subsídios com mais rigor, visando garantir a sustentabilidade do financiamento do SUS. […] Desse modo, a publicação deste estudo vai ao encontro da necessidade de avaliar a aplicação dos gastos tributários em saúde”.

Veja o estudo completo: 160530_nt_19_radiografia_gasto_tributario_saude_2003_2013

Anúncios

Contemporânea está recebendo artigos

A revista Contemporânea está com uma edição de tema livre para ser publicada em Agosto. A revista é ligada ao Programa de Pós-graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas da Universidade Federal da Bahia (UFBA) voltada para  questões do enlace entre a cultura e as novas formas, linguagens e processos da comunicação mediática. De acordo com a revista;

Todos os artigos submetidos à Revista serão previamente avaliados pela equipe editorial, que checa sua adequação às normas de publicação da revista. Caso o artigo não esteja conforme quaisquer das condições para submissão, ele será devolvido aos autores.

Comunicação & Inovação prepara nova edição

A revista Comunicação & Inovação está recebendo contribuições. Os temas são livres e a última edição de 2016 será preparada através de artigos recebidos em fluxo contínuo. Para participar da revista Mestrandos, mestres e doutorandos só podem contribuir com artigos assinados em parcerias com doutores. A revista é quadrimestral e vinculada ao Programa de Pós-graduação em Comunicação da USCS – Universidade Municipal de São Caetano do Sul (SP).

Elmano não vai fazer discurso na sessão do impeachment

O senador Elmano Férrer (PTB) é o único dos senadores piauienses que não vai discursar na sessão para avaliar a admissibilidade do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). Cada senador terá 15 minutos para seu discurso. A sessão está dividida em três blocos: de 9h às 12h; das 13h às 18h; e das 19h até o termino da votação. A senadora Regina Rousa (PT) vai fazer o 36° discurso, enquanto o senador Ciro Nogueira será o 66°.

Wellington defende decisão de Maranhão no anúncio de Universidade em Parnaíba

Com deferências ao governador Wellington Dias (PT) e ao deputado federal Paes Landim (PTB) a presidente Dilma Rousseff (PT) deu início ao processo de criação da Universidade Federal do Delta do Parnaíba junto com a as universidades de Catalão e Jataí em Goiás e a do Norte do Tocantins e a de Rondonópolis em Mato Grosso. No ato a presidente tomou conhecimento da anulação da votação do impeachment.

O governador Wellington Dias destacou que a criação da Universidade do Delta do Parnaíba é um sonho antigo e “o lado bom é que é uma universidade que para criar é barata porque está praticamente pronta”. Segundo Wellington Dias serão necessários investimentos de R$ 9 ou R$ 10 milhões por ano para que a universidade atenda o norte do Piauí, Ceará e Maranhão. “Vai ter autonomia para planejar o seu trabalho”, comentou acrescentando que há apoio da Universidade Federal do Piauí para a nova universidade.

O governador informou ainda que há a possibilidade de expandir a UFPI para Esperantina e Oeiras, assim como outras cidades do Estado. “Quero comemorar nesse momento essa conquista do povo do Piauí e foi uma conquista trabalhada com muita luta”, pontuou o governador acrescentando que há mobilização intensa no litoral para a criação da nova universidade. Entre os novos cursos está o de medicina para a nova universidade.

1018268-09052016-dsc_3288
Brasília – A presidente Dilma Rousseff, durante a cerimônia do anuncio da criação de cinco novas universidades no Palácio do Planalto (Antonio Cruz/ Agência Brasil)

Impeachment

Wellington Dias também falou da decisão do presidente em exercício da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão (PP-MA) que anulou a votação do impeachment. “Desde o momento que o Supremo fez o julgamento e o afastamento do deputado Eduardo Cunha para mim ficou claro que o Supremo compreendeu que houveram arbitrariedades e ilegalidades”, disse Wellington Dias acrescentando que Cunha manobrou para acelerar o processo contra Dilma. O governador pontuou ainda que a ação da Advocacia Geral da União (AGU) sequer foi apreciada por Cunha.

“A lei que regulamenta o impeachment não foi cumprida porque proibe que haja uma orientação ou mesmo uma decisão partidária porque se trata de um julgamento”reforçou Wellington Dias apontando que a lei não foi cumprida lembrando do andamento da sessão do impeachment em 17 de Abril. O governador reconheceu que a decisão de Waldir Maranhão será ainda bastante questionada tanto no Senado, onde está o processo, quanto na Câmara. “É hora de fazer respeitando a Constituição e a Lei”, disse Wellington que acredita em uma mudança no sentimento da população.

STF vai julgar ação de Defensores contra Wellington Dias

Deve voltar à pauta do Supremo Tribunal Federal esta semana a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 339 envolvendo a Associação Nacional de Defensores Públicos contra o Governador do Piauí, Wellington Dias (PT). A ação trata da cobrança de dotações orçamentárias da Defensoria Pública, que agora são repassados na forma de duodécimos com a autonomia administrativa da Defensoria. A ação trata de saber se Defensoria Pública do Piauí teria direito ao repasse dos recursos orçamentários, em forma de duodécimos e associação defende que o governo não tem feito os repasses.

A ação já entrou em pauta no dia 22 de Abril e no dia 05 de Maio, mas ainda não foi apreciadas pelo Plenário do STF. O relator da ação é o ministro Luiz Fux.

Vozes e Diálogo tem chamada até 15 de maio

Editada desde 1998 pelo curso de Jornalismo da Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI) a revista acadêmica Vozes e Diálogo está com chamada aberta até o dia 15 de maio. Vejam mais detalhes abaixo e no site da revista.

Convidamos a todos para submeterem trabalhos para a próxima edição da revista Vozes e Diálogo (vol. 15, n.1 – primeiro semestre de 2016). A edição terá como tema de seu dossiê os processos e práticas que envolvem a “Cultura de fãs”.  Os artigos devem ser submetidos até 15 de maio no portal da revista http://www6.univali.br/seer/index.php/vd/index.

Serão aceitos artigos de reflexão teórica e/ou resultado de pesquisas que abordem as diversas temáticas relacionadas à cultura de fãs, aos processos que envolvem a prática do Fandom, tanto na perspectiva da análise do conteúdo, das representações entre outros quanto análises da recepção e/ou do consumo midiático que evidenciem os engajamentos do público diante dos mais diversos produtos/conteúdos midiáticos e sua circulação. Entre os aspectos que podem ser problematizados estão:

–        Produção, distribuição e circulação de conteúdos produzidos pelo público sobre conteúdos midiáticos (pode-se discutir autoria e direitos sobre os conteúdos, níveis de engajamento, formas de participação e/ou impacto dessas práticas no âmbito da produção, etc.);

–        Práticas, produtos, comportamentos de fãs /antifãs

–        Shipping

–        ciberativismos;

–        Relações entre cultura participativa e cultura de fãs.

–        Cultura de fãs e sua relação com a afetividade pelas marcas

–        Estudos comparativos de fandom nacional e internacional

–        Comportamentos de hatters e trolls

–        Relação entre cultura de fãs e culturas juvenis

–        Cosplay

Entre várias outras possibilidades

Além do dossiê, a revista também aceita artigos de outras temáticas em regime de fluxo contínuo bem como resenhas de obras publicadas nos últimos três anos.

 

 

BJR recebe contribuições até 30 de Maio

A “Brazilian Journalism Research” está com chamada aberta para artigos na edição 2016.3. A revista é um períodico voltado para o debate teórico-metodológico em jornalismo e para o fortalecimento da rede de pesquisadores em jornalismo com a Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor). O Dossiê “Profissionalismo Jornalístico na Era Digital” tem como editora convidada Beate Josephi da University of Sydney, Australia.

Veja um pouco mais sobre o dossiê abaixo e mais informações sobre como enviar artigos até 30 de maio de 2016.

Desde o início o conceito de profissionalismo jornalístico tem sido objeto de disputa. Fazer do jornalismo uma profissão estava entre um dos motivos da ideia de se criarem cursos de jornalismo, sobretudo no nível de graduação. Os cursos teriam fornecido formação aos jornalistas, permitindo que eles assumissem o papel de provedores de informação inteligível, responsável e acurada. Essa especialidade profissional também teria sustentado a reivindicação do jornalismo de se tornar parte essencial da vida política, social e cultural de um país.

[…]

A questão do profissionalismo jornalístico na Era Digital é, portanto, multifacetada. Por isso, convidamos todos a enviar contribuições ligadas a aspectos descritos nesta chamada de trabalhos e, em particular, análises sobre o contexto atual do profissionalismo jornalístico.